Tio João

Quem pensa que a distância faz esquecer, esquece-se que a saudade faz lembrar

Olá familiazinha!
“Que saudades eu já tinha da tão preciosa chuvinha!” Embora tardio, já chegou o sangue da terra. Veio a ajudar a terminar com o flagelo dos incêndios e na agricultura ainda lhe pode valer à castanha mais tardega e à azeitona.
Afinal, o nosso magustão da família do tio João é sábado, dia de S. Martinho, 11 de Novembro, na Rural Castanea, em Vinhais, no maior assador de castanhas do mundo. Já sabe que contamos com a sua presença.
Na última semana estiveram de parabéns a tia Ana Abuim, de Tuizelo (Vinhais) fez 84 anos; a tio Glória, de Alimonde (Bragança) e a tia Deolinda, de Sendas (Bragança) completaram 81 anos; a tia Ludovina, de Outeiro (Bragança) festejou 62; o tio Delmino Ferreira, de Freixedelo (Bragança) comemorou os seus 54 anos.
E sabem quem já entrou nos “entas”? Foi o tio Rui Mouta
que chegou aos 40. Parabéns a todos e muita saúde.
Neste número vamos abordar o tema da saudade, “doce poema que ninguém entendeu, vontade de ter de novo aquilo que se perdeu”.

Aldeias históricas de Portugal Viagem surpresa, viagem maravilhosa!

Olá familiazinha!
O povo, desesperado com a falta de água, recorre à sua fé religiosa, com novenas e procissões aos santos e san­tas para que S. Pedro resolva abrir as torneiras do céu.
Foi assim que no passado sábado, as gentes de Rebordãos, movidas pela sua fé, transportaram a Sr.ª da Serra, lá do seu altar para a aldeia, onde se está a realizar uma novena, desde o dia 14 até ao dia 22, na igreja matriz. Que a chuva seja mesmo o milagre tão desejado.
Também no sábado estivemos em directo, ao vivo e a cores, desde Mogadouro, na Feira dos Gorazes, onde, mais uma vez, promovemos os grandes eventos da nossa região, aproveitando sempre para ver e rever alguns amigos da família e fazer novas amizades.
Estiveram de parabéns o tio Moisés, de Uva (Vimioso) que completou 3 vezes 23 anos, o tio Jacinto, de Genísio (Miranda do Douro), que fez 76 anos e o tio Casimiro, de Parada (Bragança), que festejou 88 anos.
Neste número vou-vos deixar água na boca, pois vou falar da viagem surpresa 2017.

Festejamos a vida e choramos a morte

Olá familiazinha!
Na semana passada tivemos dois acontecimentos marcantes na nossa família: o falecimento do nosso monumento da família, poeta e fadista, Daniel Pereira, de Remondes (Mogadouro) e as bodas de ferro do casal Maria e Gualter, de Agrochão (Vinhais).
A do tio Daniel Pereira foi das mortes mais choradas pela nossa família, porque tinha uma agenda cheia de números de telefone de muitos tios e tias a quem ligava frequentemente, aproveitando o tarifário pré-pago que tinha, e assim vivia as alegrias e as tristezas com quem falava. Nos convívios da nossa família, aproveitava para conhecer pessoalmente aqueles com quem só falava pelo telefone e ainda não conhecia.

 

Formado na universidade do pastoreio

Olá familiazinha! Estamos no mês de Outubro e todas as manhãs muitos dos que nos ouvem estão à espera que o Tio João anuncie chuva.
O Magustão da Família do Tio João vai ser no domingo, dia 22 de Outubro, em Vinhais, que tem sido, por excelência, o melhor local para saborear as castanhas no maior assador do mundo.
Vamos dedicar este número a uma entrevista com o tio Delmino Ferreira, de 53 anos, que pertence à classe dos pastores da nossa família e que vive em Grijó mas é natural de Freixedelo, ambas do concelho de Bragança.

Tudo com 3 semanas de adianto! Só a chuva está muito atrasada...

Olá familiazinha!
Quando comecei o programa, há quase 28 anos, intitulei de tios e tias todos aqueles que falavam comigo que já tivessem constituído família. Os participantes mais novos e que ainda fossem solteiros(as), apelidei-os de primos e primas.
Assim sendo, temos mais um tio na família. O nosso primo Rui que, no sábado passado, celebrou o enlace matrimonial na igreja matriz de Samil (Bragança) com a Vera Malhão. A festa tornou-se ainda maior com o baptizado do rebento, Eduardo Mouta. Eu e a minha família estivemos presentes na festa, pois já há 20 anos que somos colegas e amigos. Que esta nova etapa de vida, seja repleta das maiores felicidades. Que seja o começo de um percurso muito bonito. Que a vossa união seja muito feliz e forte o suficiente para poder enfrentar as dificuldades que a vida vos coloque no caminho. Que haja muita paz, tolerância e companheirismo. Que este dia feliz, único e especial seja sempre recordado e que o vosso rebento seja sempre fonte de grandes alegrias e orgulho. Muitas felicidades para os três e que este dia fique marcado na memória de todos pelos melhores motivos. E já agora, façam o favor de serem felizes!

Os meninos da APADI, os nossos ouvintes especiais

Olá familiazinha!
Estive de férias na região do Minho, em Vila Praia de Âncora, onde fui pai e marido a tempo inteiro, ganhando energias para o novo ano lectivo da universidade da vida.
Quem não deu férias à familia foi o nosso primo Rui,que mais uma vez esteve no comando do amor e da amizade da familia do tio João, brindando também os leitores deste jornal com a sua página. Já desde sábado passado que estou no activo. Os últimos aniversariantes foram o tio Duarte, pastor de Prado Gatão,Miranda que fez 3 dúzias(36 anos) e o Leonel Farruquinho de Coelhoso, que nos liga de Orly França, fez 41anos.Parabéns para ambos que são dois grandes ouvintes e participantes do progama.
Quem nos ouve diariamente também são os nossos meninos da Apadi que vai realizar mais um ano o almoço convívio no complexo do Geadas,na estrada do aeródromo. Todos os anos a familia está presente, contamos consigo! São ouvintes muito especiais e agora com ajuda da equipa técnica da Apadi vamos conhecê-los:

O primo Rui também foi a pé à Serra

O “primo Rui” foi à Nossa Senhora da Serra, mas não foi sozinho. Na boleia levou a colega Susana Madureira. Não saímos muito cedo, para o que é normal num romeiro.

“Bispo”, o mister touro

Olá familiazinha! O mês de Agosto já lá vai e terminou com algumas “zorbadas” de água provocadas pela trovoada que ocorreu na nossa região.

Pais e avós a tempo inteiro

Olá familiazinha! Esta edição é abençoada pela padroeira da cidade de Bragança, que se celebra aos 22 de Agosto, dia de Nossa Senhora Rainha, o auge das festas da cidade.