Opinião

07/05/2019

Embora todos gostemos de nos rir com boas anedotas e piadas jocosas, não é nada fácil ser palhaço. Contudo, algumas pessoas sem qualquer propensão para serem palhaços, comportam-se como tais e não fazem rir ninguém.

07/05/2019

Filho de Manuel Pires e Isabel Fernandes, Francisco Henriques nasceu em Miranda do Douro, pelo ano de 1583. Casou com Ana Rodrigues, da conhecida família dos Mogadouro.

07/05/2019

Um pensador espanhol disse há dias ao El Mundo que a “imbecilidade humana é mais perigosa do que a bomba nuclear”.

07/05/2019

Com a primavera volta o tempo dos pássaros. Desde a aurora, cantam, celebram alegremente o nascimento do dia, lançam-se em vocalizações de alegria, alertam os humanos de que um acontecimento considerável se está a produzir: a aurora dum novo dia, o nascer do sol, o regresso da luz.

30/04/2019

Nasceu no Azinhoso, Mogadouro, cerca de 1580, sendo filha de Henrique Fernandes e Beatriz Lopes. Casou em Miranda do Douro, com Luís Lopes, então já viúvo e cerca de 20 anos mais velho.

30/04/2019

O Jornal Nordeste, na sua última edição, dá notícia de um projeto ibérico sobre o aproveitamento do lixo orgânico para integração em blocos de construção, filtros de substâncias poluentes, entre outros.

30/04/2019

A estrela maior da Geringonça que, como se sabe, é uma coligação desconchavada, pouco fiável, embora funcional, constituída pelo Partido Socialista, de centro-direita e pelos seus satélites de extrema-esquerda (Partido Comunista, Bloco de Esquerda e Os Verdes), é Mário Centeno, ministro das finan

30/04/2019

De um ponto de vista biológico é natural que a luta pela sobrevivência o explique e nos desculpe, mas o ser humano não é flor que se cheire. Nas palavras do escritor andaluz arturo pérez-reverte, “el ser humano es un hijo de puta muy peligroso”.

23/04/2019

Foi há 20 anos que o euro entrou oficialmente nas nossas vidas. Passaram apenas duas décadas desde que, a 1 de janeiro de 1999, o euro se tornou moeda oficial em 11 países – entre os quais Portugal, que esteve na linha da frente e apostou na moeda única desde o início.

23/04/2019

Se o mundo girasse ao ritmo das notícias e os problemas se resolvessem de acordo com o alinhamento, a realidade seria diferente e as probabilidades do ser humano concretizar os seus sonhos aumentaria exponencialmente.