Tio João

Emigrar não é pêra doce

É Agosto e, para muitos Portugueses, as melhores semanas do ano com a família. Aldeias inteiras na região transmontana enchem-se de vida. É como uma segunda primavera a florescer na região, não de plantas, mas de pessoas.

Os avós são pais duas vezes

Olá Familiazinha! Entrou Agosto, mês de matar saudades, de casas cheias, festas, romarias, casamentos, baptizados, convívios e tudo que sirva para passar umas boas férias e pôr o ponteiro das saudades no verde! Estejam atentos à próxima edição da nossa página, pois a nossa tia Irene, que nos liga da Suíça, vai apresentar-nos um trabalho sobre os emigrantes.

Fardos de palha (pacotes de bolacha baunilha)

Olá familiazinha, se agora no mundo há guerras por tudo e por nada, imaginemos se o homem comandasse as condições climatéricas, mais propriamente a chuva, havia de ser bonito!
 

Animar as gentes com o “esfolador de beiços”

Olá familiazinha! Nesta última semana a temperatura subiu e não há novidades no que diz respeito ao líquido precioso vindo do céu.

A família gozou férias em Benidorm

Olá familiazinha. Depois de oito dias de férias em família, cá estamos novamente para vos contar as aventuras das férias em Benidorm 2017.
Durante a nossa estadia, com espírito de família, fomos vivendo o nosso dia-a-dia, tentando enriquecer as férias de cada um. Este ano, mais de metade do grupo, aventurou-se, pela primeira vez, a passar as férias em família (segundo dizem, ficaram aprovados).

Helena Alves, o primeiro elemento da Família do Tio João

Olá familiazinha! Já estamos no mês sete, que é Julho. Mês de férias para alguns e de trabalho para muitos. E que seja de vida para todos.

Os nossos amigos emigrantes já têm o ponteiro das saudades no vermelho. Já falta pouco!

Nos dois últimos dias do mês de Junho, o Verão abrasador foi de férias e tivemos a oportunidade de refrescar as casas e de passear os casacos. Mas agora já voltou o Verão em grande.

Os escritórios da terra também tiveram rega automática vinda do céu: a chuva.

 

XXVIII piquenicão do Tio João - A festa do nosso povo

Olá familiazinha! Vivemos mais uma festa do nosso povo. Este ano o nosso piquenicão foi o de melhor qualidade. A magia da nossa gente é a maneira de conseguir identificar a voz que conhece na rádio com o rosto que vê pela primeira vez.

A família do Tio João, a família do piquenicão

Olá familiazinha,
No próximo Domingo, 25 de Junho, é o grande encontro anual da maior família radiofónica do mundo.Vimioso recebe este ano o 28º Piquenicão da família do Tio João. Vai ser no pavilhão multiusos, que está preparado com ar condicionado, muitos lugares sentados e mesas para saborear e compartilhar as nossas merendas. Desta vez não estamos preocupados com as condicões do tempo como todos os anos. Sinta-se convidado e apareça para fazer mais forte a nossa família.

 

Directamente da teta da vaca

Olá familiazinha. Decorreram mais um ano as trezenas de Santo António, em Bragança, na igreja de Santa Clara, onde é tradição no dia 12, à noite, no fim da trezena ser distribuído um pão biju por pessoa . Quando eu era criança apercebia-me que as famílias numerosas e pobres da cidade marcavam a sua presença levando assim alimento para a família. Hoje em dia há pessoas que guardam o pão de um ano para o outro, para que nunca falte o pão em casa e com a particularidade deste não criar bolor. Há muitas igrejas no nosso distrito que têm a imagem de Santo António.
 

O melhor do mundo são as crianças

Olá familiazinha! Já estamos a viver o mês de Junho, mês que se iniciou com o dia mundial da criança. É o mês dos santos populares, o mês em que entra o verão e o mês do pequenicão. Na semana passada festejaram anos o tio Carlos (59), da Quinta das Cavages, de Vale de Janeiro, Vinhais, o tio António Pereira, da Torre de Dona Chama (86), e fez 91 anos a nossa enciclopédia da família do tio João, a tia Lurdinhas de Bragança. Há quase 23 anos que pratica o apostolado do amor e da amizade, é uma participante constante do programa, é poetisa popular, já editou vários livros e pertence aos primórdios da família, estando sempre presente.