PUB.

Eduardo Gonçalves assume cargo de treinador-adjunto da AD Sanjoanense

PUB.

Seg, 06/07/2020 - 11:54


O técnico, natural de Bragança, integra a equipa liderada por Sérgio Machado e regressa a Portugal após quatro anos na China.

Depois das passagens pelo F.C. Joy Soccer Shenzhen, academia do Guangzhou e Ebbe Sand Soccer Academy, Eduardo Gonçalves vai voltar a trabalhar em Portugal.

O treinador brigantino vai assumir o cargo de treinador adjunto de Sérgio Machado na Associação Desportiva Sanjoanense, emblema do Campeonato de Portugal e que alcançou o sexto lugar da série B na época passada.

Eduardo Gonçalves abraça a nova etapa com entusiamo e responsabilidade. “As expectativas são as normais de quem é apaixonado por futebol e pelo treino. Encaro este regresso com uma alegria enorme de voltar a trabalhar no meu país, mas também com grande sentido de responsabilidade e de compromisso com o projecto e com as pessoas que acreditam em mim”, afirmou.

O facto de conhecer a estrutura do clube e o projecto apresentado pesou na decisão do brigantino. “Acima de tudo a forma como o Sérgio Machado, treinador principal, e o treinador de guarda-redes, o António Pontes, me abordaram e me mostraram o projecto com ambição e uma proposta para uma ideia de treinar e jogar específicas. A forma como me fizeram compreender a ideia e onde querem chegar com ela, para mim bastou, até porque o objectivo primordial era sentir-me útil dentro de um processo de treino e continuar a sentir prazer pelo que faço”.

Para trás ficam quatro anos de experiências no futebol chinês e que deram ao treinador uma grande bagagem para o futuro. “Acima de tudo foi uma experiência que me enriqueceu muito como ser humano. As dificuldades com que me deparei, as barreiras que consegui ultrapassar, a forma como tive de arranjar estratégias para resolver certos problemas, seja na operacionalização do treino ou na vida pessoal, tudo isso fez-me crescer imenso, como homem e como treinador”, concluiu.

Eduardo Gonçalves regressa ao futebol português depois de quatro anos na China, das passagens pelas camadas jovens do Boavista, Salgueiros e Bragança. No futebol sénior foi adjunto no Argozelo na temporada 2015/2016.