Entrevistas

José Carlos Afonso vai orientar Clube Atlético de Macedo de Cavaleiros no regresso do clube ao futebol sénior, depois de um hiato de seis anos.

Depois de mais de duas décadas no leme do Clube Académico de Mogadouro, Maurício Colpas Trigo fechou um ciclo na formação transmontana. No cargo de presidente dos academistas ficam três passagens pela 1ª Divisão de Futsal (2008/2009, 2009/2010 e 2010/2011).

Tony Afonso assumiu o comando técnico da equipa decorridas 12 jornadas mas não conseguiu evitar a despromoção. O treinador, de 37 anos, teve uma tarefa árdua numa época por leões e saídas do plantel.

Aos 36 anos, Rui Borges estreou-se no comando técnico do S.C. Mirandela e escreve uma página na história do clube.

Orlando Rodrigues é o único candidato à presidência do Instituto Politécnico de Bragança (IPB), eleições que decorrem dia 19. Com 57 anos, o licenciado em Engenharia Agronómica, Mestre em Políticas Agrícolas e Desenvolvimento Rural e Doutor em Agronomia, é docente da Escola Superior Agrária de Bragança desde 1986, o ano da sua fundação. Actualmente, a ocupar o cargo de vice-presidente da instituição assume que encabeça um projecto de continuidade, mas garante não se conformar com os bons resultados dos rankings e afirma que quer apostar na inovação pedagógica, investigação e na ligação da instituição às empresas.

 

 

 

Carlos Aguiar tem 54 anos, é professor do Instituto Politécnico de Bragança há cerca de 30 anos e vai apresentar, no próximo dia 26 de Março, na Universidade José Eduardo dos Santos, no Huambo, em Angola o Vol. I do Manual de Botânica, com o sub tema Estrutura e a Reprodução. O Vol. II terá especial enfoque na Evolução das Plantas Terrestres e o Vol. III a Taxonomia de Plantas com Semente, que o autor pretende terminar no próximo ano. Três volumes com a chancela do IPB.

 

 

São jovens. São “alfacinhas”. E decidiram recentemente trocar o alvoroço da capital pela serenidade de Bragança. A Madalena e o Vítor, têm 23 anos, e andam à descoberta das terras transmontanas.

Enfermeiro de profissão, apaixonado desde sempre pela escrita, o brigantino Telmo Fidalgo Barreira, publicou em 2017 a sua primeira obra. “Poema de Aguardente em Casca de Noz” é um livro de poesia inspirado no percurso, nas viagens e nas raízes do autor.

 

 

Aos 35 anos, Pedro Teixeira, engenheiro civil e director geral de uma multinacional foi considerado um dos 40 melhores gestores portugueses com menos de 40 anos segundo o Fórum de Administradores e Gestores de Empresas (FAE) e o grupo Impresa.

Helena Freitas ex-coordenadora da Unidade de Missão para o Desenvolvimento do Interior