PUB.

“Sem o movimento das mães, as casas de alterne mais afamadas de Bragança poderiam ter sobrevivido”

PUB.

ESTA NOTÍCIA É EXCLUSIVA PARA ASSINANTES

 

Se já é Assinante, faça o seu Login

INFORMAÇÃO EXCLUSIVA, SEMPRE ACESSÍVEL

Qua, 11/05/2016 - 09:29


José Machado Pais é investigador coordenador do Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa. Inspirado pelo caso "Mães de Bragança" levou a cabo uma investigação, que demorou cerca de 13 anos e culminou no livro “Enredos Sexuais, Tradição e Mudança - As Mães, os Zecas e as Sedutoras de Além-Mar”. Não perca a entrevista do autor do estudo ao Jornal Nordeste e fique a par das principais conclusões do mesmo.