Proteja-se do frio e cuide da sua Saúde

A exposição ao frio intenso, particularmente durante vários dias consecutivos, pode contribuir para a transmissão de doenças infeciosas do aparelho respiratório e provocar lesões relacionadas com o frio. No Olho Clínico deixamos-lhe alguns conselhos para se proteger do frio e evitar complicações de saúde devido às baixas temperaturas.

Em situações de frio intenso são produzidas alterações no organismo que facilitam o aparecimento de doenças como a gripe e outras infeções respiratórias. Por isso, a vacinação contra a gripe é recomendada para se proteger desta doença que pode causar complicações de saúde graves a pessoas em situação vulnerável.
Adote ainda medidas que são fundamentais para se proteger do frio. Utilize vestuário adequado, aqueça a casa, faça refeições quentes e tenha cuidados redobrados para evitar quedas.

Durante um período frio
- Mantenha o corpo quente – use luvas, cachecol, gorro/chapéu, calçado e roupa quente;
- Hidrate-se: ingira líquidos e sopas;
- Mantenha a casa quente;
- Esteja especialmente atento se tiver algum problema de saúde. Tome os medicamentos para a sua doença conforme a indicação do seu médico. Não tome antibióticos sem indicação médica;
- Mantenha-se em contacto e atento aos outros, principalmente pessoas idosas ou que vivam sozinhas.

No domicílio
- Mantenha a temperatura da sua casa entre os 18ºC e os 21ºC;
- Verifique se os equipamentos de aquecimento estão em condições de ser usados e o estado de limpeza da chaminé da lareira;
- Se utilizar lareiras, braseiras, salamandras ou equipamentos de aquecimento a gás, ventile as divisões da casa. A acumulação de gases pode causar intoxicação ou morte;
- Evite dormir/descansar muito perto da fonte de calor;
- Apague ou desligue os sistemas de aquecimento antes de se deitar ou sair de casa, de forma a evitar fogos ou intoxicações.

Cuidados pessoais e vestuário
- Mantenha a pele hidratada, principalmente mãos, pés, cara e lábios;
- Use várias camadas de roupa, em vez de uma única muito grossa, e não use roupas demasiado justas que dificultem a circulação sanguínea;
- Proteja as extremidades do corpo (com luvas, gorro, meias quentes e cachecol) e use calçado adequado às condições meteorológicas.

Alimentação
- Faça refeições mais frequentes encurtando as horas entre elas;
- Dê preferência a sopas e a bebidas quentes, como leite ou chá sem açúcar;
- Aumente o consumo de alimentos ricos em vitaminas, sais minerais e antioxidantes (por exemplo, frutos e hortícolas), pois contribuem para minimizar o aparecimento de infeções;
- Faça uma alimentação variada e saudável, evitando alimentos fritos, com muita gordura ou açucarados;
- Evite bebidas alcoólicas que provocam vasodilatação com perda de calor e arrefecimento do corpo.

Atividades e exercício físico no exterior
- Mantenha a prática de exercício físico habitual, mas em situações de frio intenso evite fazer exercício físico de esforço ao ar livre;
- Se tiver de realizar trabalho de intensidade física, proteja-se com roupa adequada e vá doseando o esforço;
- Em caso de frio intenso faça pequenos movimentos com os dedos, os braços e as pernas evitando o arrefecimento do corpo;
- Evite caminhar sobre o gelo devido ao risco de lesões por queda;
- Procure manter-se seco e evite arrefecer com a roupa transpirada no corpo;
- Beba água antes, durante e depois da atividade física para evitar a desidratação.

Se ficar constipado ou com gripe não vá de imediato para a urgência hospitalar. Contacte o SNS 24, através do número 808 24 24 24, ou dirija-se ao seu Centro de Saúde.
Em caso de emergência ligue para o 112.