PUB.

Alimentação saudável e segura em dias de calor

PUB.
No Verão, coma de forma saudável e segura! Com a chegada do Verão e a subida das temperaturas, são necessários cuidados redobrados com os alimentos, desde a compra à sua confeção, passando pela conservação, de modo a evitar uma possível intoxicação alimentar. Por isso, o Olho Clínico desta semana deixa-lhe alguns conselhos práticos, que garantem uma alimentação saudável e, muito importante, segura.

Comece por escolher alimentos frescos e cuja origem inspire confiança, tendo em atenção o seu aspeto na altura da compra e, no caso dos embalados, a data de validade.
Na altura da preparação, deve lavar bem as mãos, assim como lavar cuidadosamente em água corrente os alimentos que vão ser consumidos crus (caso das alfaces ou da fruta), bem como os utensílios de cozinha e superfícies que contactam com os alimentos (por exemplo bancas ou tábuas de cortar).
Outra regra a ter em conta passa por não utilizar os mesmos utensílios para prepara alimentos crus e cozinhados, os quais devem ser mantidos separados.
Enquanto estiver a manipular os alimentos, não deve também comer, nem fumar.
No caso dos alimentos a consumir cozinhados, deve deixá-los cozer bem, normalmente a temperaturas acima de 70º C. Um conselho que deve ser seguido com atenção redobrada no caso dos ovos.
Depois de confeccionados, os alimentos devem ser consumidos num curto espaço de tempo. As sobras devem ser conservadas rapidamente no frigorífico, para evitar a multiplicação de micróbios presentes nos alimentos. E lembre-se que o frigorífico deve estar, além de limpo, organizado, de modo a separar os diferentes produtos.
Os alimentos que se estragam mais depressa devem ser mantidos no frio (temperatura inferior a 5º C) em recipientes fechados.
No caso de levar comida para ingerir fora de casa, seja para o trabalho seja para a praia ou piscina, recorde-se que o calor promove o crescimento de microorganismos patogénicos, bem como a produção de toxinas, nos alimentos, o que, a acontecer, pode provocar toxinfeções alimentares. Os sintomas (dores de estômago, cabeça, vómitos, diarreia, febre) surgem geralmente entre 24 a 72 horas após a ingestão dos alimentos em condições impróprias.
Para um Verão com mais saúde e segurança, tenha por isso, também, os devidos cuidados na escolha, no acondicionamento e no transporte dessas refeições a fazer no exterior.