Grupo Desportivo Mirandês prepara regresso ao nacional

Ter, 10/07/2018 - 16:40


Formação de Miranda do Douro já trabalha. Luís Preto contou com seis reforços no arranque dos trabalhos de pré-época. Plantel ainda não está fechado.

Dezoito anos depois o clube de Miranda do Douro está de regresso a uma prova nacional. A pré-temporada começou no sábado com os habituais exames médicos e uma sessão de treino, em que Luís Preto contou com nove reforços.

Para o sector defensivo o Mirandês contratou Cláudio, 25 anos, ex-Gondomar B, o brasileiro Lucas Silva, que conta com passagens pelos juniores do Freamunde e pelas equipas seniores do São Pedro da Cova, Caçadores das Taipas e Sp. Pombal, e os guineenses Alberto e Úmaro, ambos ex-Régua.

O meio campo foi reforçado com Bé (ex-Régua), Romário e José Campos, ambos representaram o Pedras Rubras na temporada passada. Do Pedras Rubras chegou ainda o avançado Vítor Andrade.

A linha de ataque conta também com o jovem Raphael Pereira, de 19 anos, que faz a estreia como sénior depois de ter integrado os juniores do G.D.Chaves.

No capítulo das renovações, Armando, Michel, Diogo Ribeiro, Cipriano, Leo e Caio assinaram por mais uma temporada.

O plantel ainda não está fechado e todos os sectores vão ser reforçados, apesar de ser uma tarefa complicada. No entanto, João Castro, presidente do Mirandês, acredita que “é possível formar uma equipa que garanta a manutenção”.

João Castro está consciente das dificuldades frente a adversários com mais poder económico, mas acredita que os orçamentos não ganham jogos. O presidente do Mirandês conta com a ambição e a garra que caracterizam as equipas transmontanas. “Os adeptos podem esperar uma equipa com muita raça, querer e ambição. A garra transmontana vale por muito dinheiro que outros clubes possam ter”.

A expectativa dos adeptos em relação à participação do clube no Campeonato de Portugal é grande. “Muita gente quer ver o clube no nacional, pois há quase 20 anos que o clube não andava no nacional”, destacou.

O Mirandês prepara-se para a nova temporada. Trata-se do regresso ao nacional de futebol, dezoito anos depois da última participação, na altura na extinta terceira divisão.

Luís Preto é o treinador que tem a missão de garantir a permanência no Campeonato de Portugal e tem como adjuntos Francisco Parreira e Lamá, que assume funções de técnico de guarda-redes.

O primeiro jogo de treino do Mirandês está marcado para sábado, dia 14 de Julho, frente ao Mêda.

 

 

Jornalista: 
Susana Madureira / Foto de G.D. Mirandês